O presidente da República sentiu na pele o ódio da população