'Apenas uma pegunta: por que a ONU, o Papa, a França e as ONGs ambientais,