O Alfa-Bank e a Novolipetsk Steel Company (NLMK), em cooperação com o Commerzbank e a Vesuvius GmbH, estão testando pagamentos transfronteiriços Rússia-Alemanha na rede Marco Polo da R3.

Desenvolvido pela rede global de comércio Marco Polo da R3

Em 11 de outubro, o Alfa-Bank anunciou que está lançando uma transação piloto de financiamento ao comércio exterior, com a cooperação do NLMK, Commerzbank e Vesuvius GmbH, usando a rede Marco Polo, da R3. No anúncio, o Alfa-Bank se descreveu como a maior instituição financeira da Rússia, medida pelo total de ativos, patrimônio total, carteiras de depósitos e empréstimos.

O piloto de pagamentos transfronteiriço visa criar uma solução digital de financiamento comercial de ponta a ponta e cadeia de suprimentos em uma plataforma blockchain. A rede Marco Polo, que é uma empresa conjunta entre as empresas de tecnologia TradeIX e R3, planeja oferecer uma ampla gama de soluções internacionais de financiamento comercial e integração ao ecossistema comercial global. A chefe de finanças comerciais do Alfa-Bank, Dina Merkulova, disse:

“Lançamos nossa primeira tecnologia de contabilidade distribuída em trade finance desde 2017. Desde então, as soluções corporativas de blockchain foram consideravelmente elaboradas, conquistaram a confiança de nossos clientes e provaram sua aplicabilidade a processos de negócios reais. Projetos como a rede Marco Polo criam valor agregado para os clientes, garantindo maior transparência e capacidade de gerenciamento do comércio internacional, graças a instrumentos bancários, de pagamento e de financiamento integrados. ”

Mais bancos aderindo à Rede Marco Polo

O Cointelegraph informou em setembro que o Bank of America havia se juntado à rede Marco Polo da R3 para enfrentar os desafios de financiamento comercial. O banco multinacional de investimentos se juntou à rede para melhorar suas ineficiências comerciais internacionais e oferecer um melhor serviço aos seus clientes. Geoff Brady, chefe de comércio global do Bank of America, disse na época:

“A adesão à rede Marco Polo apóia nosso objetivo estratégico de transformar os avanços tecnológicos em soluções comerciais que atendem às necessidades dos clientes. Estamos ansiosos para explorar como a nova tecnologia pode gerar maior transparência para nossos clientes durante todo o ciclo de vida da transação, tornando os processos tradicionalmente baseados em papel, mais fáceis e eficientes ”.