O ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, disse ao Estadão que a democracia da Bolívia “saiu fortalecida" com a renúncia de Evo Morales...